SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 número1PSICOANALÍTICAS SOBRE EL ESTUDIO DE LAS PERVERSIONES índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Ajayu Órgano de Difusión Científica del Departamento de Psicología UCBSP

versión On-line ISSN 2077-2161

Resumen

LOPEZ VIDAURRE, Narada Miguel  y  LORA FUENTES, Mª Elena. ALGUMAS IMPLICAÇÕES DOS RESIDENTES MIGRANTES BOLIVIANOS SUBJETIVIDADE TRÊS POPULAÇÕES DA ESPANHA. Ajayu [online]. 2014, vol.12, n.1, pp. 1-20. ISSN 2077-2161.

Na presente pesquisa, algumas consequências sobre a subjetividade de imigrantes bolivianos que vivem em três cidades em Espanha, a partir da perspectiva da psicanálise. A migração é um fenômeno que agora tem um estatuto e insistência particular. Para entender um pouco dessa particularidade, se desenvolvem circunstancias que precipitaram a migração, também como o conceito de migração transnacional e alguns conceitos da psicanálise que nos permitirão entender esse fenômeno a partir do conceito de subjetividade. A escolha do migrante tem consequências para as pessoas nas diferentes áreas. Além das consequências gerais e macro, que aparecem são únicos para cada sujeito e estes são os que trabalham nesta investigação. Estes foram divididos em três áreas, o trabalho, a família e a esfera sócio -cultural. A principal contribuição desta pesquisa são entrevistas com os imigrantes que optaram por migrar e moram na Espanha, também como a leitura oferecida pela psicanálise e a contribuição deste para o conceito de subjetividade.

Palabras clave : Migração transnacional; Subjetividade; Sujeito; Espanha; Bolívia; imigrantes; Psicanálise.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License